Tecnologia garante internet móvel em qualquer lugar do Piauí

O Estado do Piauí conta agora com tecnologia de aproximadamente 25 quilos que possibilita o acesso a Internet em qualquer lugar do Piauí. A ferramenta é uma aquisição do programa Piauí Conectado e pode ser usada em ações de serviços de órgãos estaduais em zonas onde não há acesso público à rede mundial de computadores.

As antenas leves foram adquiridas em conjunto com os demais equipamentos fixos de solução via satélite que estão sendo instaladas em escolas, hospitais e assentamentos em todo o estado. O investimento total no sistema de comunicação via satélite do Piauí Conectado já investiu mais de R$ 4,5 milhões.

A tecnologia deve beneficiar diretamente a área de segurança nos territórios do interior e de fronteira. “Permite a PM montar uma blitz na divisa de qualquer município e estado onde não há conexão, possibilitando que a Secretaria de Segurança acesse sistemas nacionais de identificação criminal, base de dados para extrair informações de pessoas que têm mandado de prisão, que têm ficha criminal”, explica o diretor da Agência de Tecnologia da Informação (ATI), Avelyno Medeiros.

As antenas também poderão ser usadas por órgãos de fiscalização e conscientização como a Secretaria de Fazenda e o Batalhão Estadual de Trânsito e o próprio Detran. Os serviços de Saúde itinerante e outras finalidades de conexão com a internet também são alvo da tecnologia.

O estado conta no momento com três unidades da ferramenta. A aquisição pode ser ampliada e adquirida por outros órgãos de acordo com a demanda. Segundo o diretor da ATI, além de leves as antenas são de fácil manuseio. “Qualquer pessoa com conhecimentos básicos de informática consegue montá-las porque elas (antenas) têm um sistema simples”, explicou Medeiros.

Autoria: Valmir Macêdo

LEIA TAMBÉM