SAMU comemora 14 anos e atinge a marca de quase 900 mil atendimentos em Teresina

População pode acionar o serviço através do número 192

Nesta segunda-feira (24) o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Teresina comemorou o seu 14º aniversário, durante atividade educativa na Praça da Bandeira. O órgão divulga que, ao longo destes anos de existência, realizou 837.091 atendimentos a pessoas em situação de urgência na capital. O número engloba orientações médicas e envio de ambulâncias para atender urgências clínicas, obstétricas, psiquiátricas e transferências inter-hospitalares.

Para o diretor médico do SAMU, José Ivaldo, a implantação do SAMU em Teresina representou um avanço na saúde pública. “Na década de 80 existiam ambulâncias destinadas às transferências entre hospitais. Em 1990 foi criado o Programa SOS Teresina para sanar a falta de atendimento pré-hospitalar, mas o serviço estava estruturado para atender apenas suporte básico de vida. Em 2004 aderimos ao SAMU, criado pelo Governo Federal e que dispõe de ambulâncias de suporte básico e avançado”, afirma.

De acordo com a diretora geral do SAMU, Francina Amorim, o órgão tem passado por melhorias na estruturação para atender a comunidade. “Em nossa gestão renovamos a frota de ambulâncias, expandimos a frota de motolâncias, estruturamos os pontos de apoio, implantamos o Núcleo de Segurança do Paciente e a CIPA e ainda contribuímos com a organização da Central de Transferências do município, ficando esta responsável pelas transferências interhospitalares de pacientes estáveis”, afirma.

Ela explica ainda que, recentemente, o Ministério da Saúde qualificou as ambulâncias do SAMU, processo que reconhece a qualidades destas unidades e o cumprimento às exigências legais. A qualificação dos veículos permitiu o aumento do repasse financeiro federal ao serviço. “Esta conquista representa o fortalecimento da rede de urgência e emergência. Para conseguirmos esse feito, realizamos muitas ações de melhorias, a exemplo de capacitações regulares dos nossos servidores”, explicou.

Como acionar o SAMU

Para usufruir do serviço do SAMU, que funciona ininterruptamente, a população deve entrar em contato com a Central de Regulação, por meio do número gratuito 192. O seu primeiro contato é com os telefonistas, que colhem dados como endereço e natureza da ocorrência. Posteriormente, a ligação é repassada para o médico regulador, que avalia o caso informado e classifica se é necessário o envio de ambulância de suporte básico, avançado ou se faz apenas orientações médicas.

LEIA TAMBÉM