Maio Amarelo tem continuidade com ações nas faixas de pedestres; confira a programação

Créditos: Ascom

Como parte das ações educativas do Maio Amarelo, os órgãos que integram o Sistema Nacional de Trânsito (SNT) realizaram, hoje (15), uma atividade direcionada para os pedestres na Avenida João XXIII. O intuito da ação foi alertar aqueles que não atravessam na faixa e correm o risco de serem atropelados.

 

O Movimento está promovendo, ao longo do mês, uma reflexão das possibilidades de escolhas no dia a dia que podem acarretar em graves consequências no trânsito, como usar o celular ao volante, beber e dirigir, não usar o cinto. Todas essas ações são passíveis de escolhas e, consequentemente, de prevenção de graves ocorrências.

 

De acordo com a Gerente de Educação de Trânsito da Strans, Samyra Motta, a ação de hoje foi muito proveitosa, mas foi possível observar que as pessoas ainda resistem a atravessar a via na faixa de pedestre. “Conversamos com os pedestres para mostrar a necessidade de atravessar na faixa, pois somente assim ele terá uma travessia segura”, disse.

 

O casal Edileusa Noleto e Nataniel Noleto, todas as terças-feiras, faz um ação evangélica próximo da faixa de pedestre na Avenida João XXIII, em frente ao Restaurante Toca do Bode, na zona Leste da cidade. E nessa atividade, eles aproveitam para ajudar as pessoas idosos e com dificuldade de locomoção a atravessarem a avenida sempre na faixa, mas, muitas vezes, o casal percebe que os motoristas não respeitam o espaço do pedestre. “É muito comum os motociclistas não respeitarem a faixa, muitos deles desviam do pedestre e passam correndo”, disse Edileusa.

 

O comerciante João Antônio Costa e Silva, que tem uma barraca próximo da parada de ônibus há mais de vinte anos, diz que já testemunhou vários atropelamentos e que, na maioria das vezes, a culpa é do motorista que não respeita a faixa. “Eu tenho um problema na perna, porque fui atropelado aqui na faixa, por isso acho esse tipo de ação muito importante para segurança de todos”, complementou.

 

Programação do Maio Amarelo:

Quinta-feira (17)

Evento: Mesa redonda

Local: Sede da OAB

Horário: A partir das 8 horas

 

Terça –feira (22)

Evento: Ação educativa

Local: Estações de embarque e desembarque do Corredor Sul

Horário: A partir das 7h30

Na sexta (25)

Evento: Atividade da Caravana Maio Amarelo

Local: Escola Municipal Antônio Gayoso

Horário:  Ás 7h30

 

Na terça (29)

Evento: Atividade da Caravana Maio Amarelo

Local: Colégio Zacarias de Góes, Liceu Piauiense

Horário: A partir das 7h30

 

Quarta-feira (3 de junho)

Evento: Encerramento do Maio Amarelo

Local: Faculdade Mauricio de Nassau

Horário: Ás 7h30

 

Maio Amarelo – Atenção Pela Vida

Em 11 de Maio de 2011, a ONU decretou a Década de Ação para a Segurança no Trânsito. Com isso, o mês de maio se tornou a referência mundial para o balanço das ações que o mundo inteiro realiza. Adotou -se o caro amarela por simbolizar a atenção e a sinalização de advertência no trânsito.

 

O Maio Amarelo tem por objetivo contribuir para a diminuição dos índices de mortes e feridos no trânsito. O símbolo do movimento é um laço na cor amarela, que ressalta a segurança no trânsito como questão de saúde.

LEIA TAMBÉM

DEIXE UM COMENTÁRIO